Feeds:
Posts
Comentários

Archive for abril \20\UTC 2011

O Que Combina

     Nas raízes de um presente através de galhos e suas ramificações do que se é torto, e belo, perfeito. Posso sentir o aroma rugoso do seu tronco vivo, seu cheiro descascado, seus galhos em que aperto as mãos e faço surgir brilhante combinação de tronco, mato, e céu.

    E começo do seguinte para continuar no início. E como nascente sinto-me fragmento de todo o todo que provém da terra, com pés perfurados percorro chão árido por veias incandescentes de cortes de sangue vivamente coagulado, forte e bruto de morta vida seca. Viva vida que constrói incessante seu ciclo de repouso, resguardo, mola e salto nos ares.

    Como se não quisesse apenas fazer parte deste novo cenário, mas fugir do que me é real e me afundar nas entranhas da beleza retorcida. Como encanto me fundir por estas páginas e lhe dar o abraço que tanto guardo dentro de mim, linda árvore minha, abraço em que lhe entregaria todo o meu amor e alegria contidos anulados reprimidos e amarrados pelo que chamo de apenas mais uma fase da vida.

    Você também possui suas fases, eu bem sei, mas se alimenta apenas do fervor e glória solar, mata a sede com água morna e pura escorrente do céu. Você, pura. Perfeita.

 

Read Full Post »